O team Barradas da Serra / Eni fez uma escalada até ao 6º lugar final Estreia “à porta” do top 5 
 
Numa prova com vários percalços, a dupla Luís Dias/Mário Feio conseguiu recuperar de um 
16º lugar no final da manhã de sábado até ao 6º lugar final 
Está feita a estreia nacional do WB01. Sem grandes objetivos em termos de resultados, visto não estar a disputar o campeonato nacional de todo-o-terreno, a meta principal era terminar a prova e fazer quilómetros com o novo carro. 
A prova começou de forma tranquila, com um 11º lugar no final das duas passagens pelo prólogo desenhado na zona da Senhora do Almurtão. Já no sábado de manhã, a WB01 chega a rodar no 8º lugar em CP1, mas alguns erros levaram a que a equipa fosse penalizada num total de 23 minutos. 
A partida para o setor seletivo da tarde, no 16º lugar da tabela, não dava grandes esperanças, mas algumas desistências na frente e o facto de não ir no pó de nenhum concorrente permitiu à dupla recuperar 10 lugares, com uma vantagem de apenas 8 segundos para Rui Sousa, ex-colega de equipa na Nissan. 
Em jeito de balanço final, Luís Dias refere que “acabámos por exceder largamente as expectativas que tínhamos para a Baja de Idanha. Conseguimos fazer muitos quilómetros com o carro, percebemos o que temos para melhorar e ainda nos divertimos. Foi uma prova muito importante para voltar a ganhar ritmo competitivo, e o resultado final foi uma recompensa inesperada.” 
A equipa Barradas da Serra / Eni regressa à competição já na Baja Portalegre 500, a 27 de Outubro. 




Comunicado oficial