Conteudos

GALERIA DE IMAGENS DA 10ª EDIÇÃO DAS 24 HORAS TT VILA DE FRONTEIRA 2007

Categoria: Galerias de imagens
Publicado em 24 novembro 2014

GALERIA DE IMAGENS DA 10ª EDIÇÃO DAS 24 HORAS TT VILA DE FRONTEIRA 2007

Para recuar para a galeria principal e selecionar outra prova faça clique neste link.

 
RESUMO FINAL DA PROVA
O Clio V6 Monce da equipa luso-francesa liderada por Mário Andrade, Gérard Monce, Stephane Barby e Alexandre Andrade voltou a vencer em Fronteira, após uma corrida plena de sabedoria e táctica que apesar de um início conturbado acabou por ser facilitada ainda durante a noite, pelos atrasos e desistências dos seus mais directos adversários.
Começando por uma partida ao sprint, em que o Clio levou a melhor sobre o Toyota de João Ramos e o OsCar de Andris Dambis, Alexandre Andrade viu-se depois atrasado primeiro devido a um toque de João Ramos e depois por causa de um furo, deixando o Rav 4 na frente durante algumas voltas, até aos primeiros problemas de caixa do carro nipónico, passarem o testemunho, durante algumas horas, a equipa da Letónia, com o impressionante carro amarelo
A noite trouxe os – como sempre - problemas; O OsCar, atrasou-se assim como o MGR Peugeot de Mollet, deixando que O Clio Monde de Mário Andrade e o Fouquet BMW de Yves Morize passassem a ocupar os dois primeiros lugares, à frente de um combativo – mas consciente – Paulo Martins, que, com uma táctica perfeitamente definida, foi subindo lugares e se instalou no terceiro posto, controlando quase até final, todos os seus adversários…
… Adversários que ainda assim não deram tréguas à equipa; A Prolama, por exemplo, tentou tudo até final e o prémio conseguido foi levar - sem mácula - a Isuzu ao 3º lugar absoluto, com um “forcing” final de Rui Sousa, afinal a tentar fugir também do OsCar 03 que cedo, voltou “à carga” aproveitando toda a sua rapidez e leveza, para se re-aproximar dos lugares da frente.
Decepções finais para a Mazda que perdeu o seu melhor carro (7º) já durante a última manhã, um pouco depois de ter também parado a Navara da Motivo, com o motor partido.
Em termos de geral, é necessário referir ainda as prestações espectaculares do Mitsubishi Pajero de José Lopes e ainda do Jimny da equipa checa , a Hilux de Rui Neves e finalmente, a Nissan Navara da equipa 54, que fez em Fronteira uma grande corrida contra a “In.Diferença”, entrando no Top-Ten à frente da Pró TT de Pedro Silveira/Nuno Faria e Carlos Barbot.
Com alguns problemas pelo meio, o Toyota Land Cruiser nº 7 (Helder Oliveira/Céu Lima/Patrick Lardeaux) conseguiu vencer entre os T2 – a vantagem sobre o segundo classificado era de 15 voltas - e estupenda igualmente a corrida do Datsun 1600 SSS, de Vítor Gonçalves / José Gonçalves / Flávio Almeida – 14º da geral… Nada mau para um carro de que já muitos nem sequer se lembram…
Em relação ao Troféu RTP, a vitória fica bem entregue a Paulo Martins, não tendo resultado a tentativa de Ricardo Leal dos Santos de tentar manter a sua liderança, utilizando um carro desconhecido para o qual comprou um “lugar” à última hora.
 
Luís Caramelo
 

GALERIA DE IMAGENS DA 8ª EDIÇÃO DAS 24 HORAS TT VODAFONE 2005

Categoria: Galerias de imagens
Publicado em 24 novembro 2014

 

 

GALERIA DE IMAGENS DA 8ª EDIÇÃO DAS 24 HORAS TT VODAFONE 2005

 

Para recuar para a galeria principal e selecionar outra prova faça clique neste link.

 

 

 

Fotos Todoterreno.pt

 

RESUMO DA PROVA

Já chegou ao fim mais uma emocionante edição das 24 Horas TT Vodafone e a vitória ficou nas mãos da imparável equipa de Robert Poletti, Laurent Poletti, Georges Lansac e Reynal Prive. Como tem sido hábito nas outras edições, a opinião de todos os pilotos foi absolutamente unânime relativamente à qualidade e eficácia da organização deste evento da responsabilidade do Clube Aventura. Apesar da dureza desta prova que decorreu ininterruptamente, ao longo de 24 horas, no “Terródromo” de Fronteira, a animação esteve sempre presente entre as hostes de pilotos, técnicos, assistentes e, acima de tudo, entre os milhares de pessoas que se deslocaram a esta vila alentejana para participar na maior festa do Todo-o-Terreno nacional. 
Esta é uma edição que vai ficar para sempre na história da prova, não só pelo seu sucesso entre o público, mas também pelos resultados aqui obtidos. Recorde-se, por exemplo, que, logo durante os treinos cronometrados que decorreram na sexta-feira, a equipa de Mário Andrade, Gerard Monce, Stephane Barbry e Alexandre Andrade pulverizaram o recorde da pista, com uns inacreditáveis 9m39,927. Durante a corrida propriamente dita, o Clio V6 da formação luso-francesa foi uma das favoritas à vitória ao longo de 17 horas intensas, estando sempre entre os dois primeiros lugares. No entanto, a sorte não este do seu lado e viram-se obrigados a desistir.
No final da corrida, Robert Poletti estava naturalmente animado com o resultado.

“Esta é de facto uma prova espectacular”, comentou entusiasmado. “No ano passado fomos segundos, há dois fomos terceiros e, desta vez, ganhámos. Estamos muito contentes. O carro esteve impecável, soubemos gerir o esforço e o resultado foi o melhor possível”.

As equipas francesas dominaram o pódio, com a Riga Rallye Raid Team de Andris Dambis, Maris Saukans e Igors Skoks na segunda posição e Yves Morize, Philippe Letang, Pascal Thomasse e Jacques Pluchon a completarem o trio da frente.
A Motivo JCB Team, de Pedro Gameiro, Manuel Russo, Pedro Silva Nunes e Alexandra Gameiro, foi a melhor equipa portuguesa desta 8ª edição das 24 Horas TT, terminando num sólido 4º lugar da geral.

“Foi uma prova dura, mas acabou por nos correr muito bem”, admitiu Pedro Silva Nunes. “Não estivemos isentos de algumas crises, inerentes a prova destas, mas o resultado foi bem melhor do que nós esperávamos. A equipa está de parabéns pelo trabalho realizado no carro e, sem isso, nenhum dos pilotos podia ter feito o que fez”.

No que toca ao Troféu RTP Todo-o-Terreno, para o qual este evento pontua, a coroa foi atribuída a Filipe Campos. Ao pertencer à equipa que terminou hoje na 17ª posição da geral, o piloto português assegurou a pontuação necessária para garantir a vitória do troféu, com apenas quatro pontos de vantagem relativamente a Manuel Russo, levando assim o grande prémio final: uma fantástica Nissan PickUp. 

“Foi uma prova dura em que o nosso carro teve alguns problemas”, comentou o piloto portuense, explicando que “sofri um pouco para conseguir chegar aqui, mas consegui e venci o troféu que era o meu principal objectivo”.

 
Classificação (á 21ª hora de prova)

 

1. Robert Poletti/Laurent Poletti/Georges Lansac/Reynald Prive (Buggy Fouquet), 104 voltas; 2. Andris Dambis/Maris Saukans/Igors Skoks (OSC Óscar), +3 voltas; 3. Yves Morise/Philippe Letang/Pascal Thomasse/Jacques Pluchon (Fouquet BMW M3), +4 voltas; 4. Pedro Gameiro/Manuel Russo/Pedro Silva Nunes/Alexandra Gameiro (Nissan PickUp), +9 voltas; 5. Antoine Passemard/Franck Cuisinier/Pienich Herve/Jean Michel Malberna (Toyota KDJ95), +11 voltas; 6. Zapletal Miroslav/Randysek Dusan/Sisila Roman (Suzuki Jimny), +12 voltas; 7. Luís Miguel Cardoso/Frederico Roque/Luís Silva/Rafael Neuparth (Nissan Navara), +4m35,120s; 8. Ricardo Vieira/Sérgio Gonçalves/José Vieira/Sérgio Suveral (Nissan Navara), +14 voltas; 9. Fernando André/Pedro Alves/Filipe Palmeiro/Miguel Ferreira Silva (Nissan Navara), +6m07,366s; 10. Nuno Pires/José Monraia/Alexandre Ré/Miguel Farrajota (Nissan Navara), +15 voltas; (…)
 
Goodnews
 

Pág. 1 de 95

 

 

X-ADVENTURE TOURS - UMA NOVA FORMA DE VISITAR CORUCHE.

X-ADVENTURE TOURS

Parceiros

LOGO_TEREPRALI.jpgLOGO_NUNO_MATOS.JPGLOGO_OFFROAD_4X4.jpglOGO_RALLYRAID_NET.jpglOGO_RALLYRAID_ES.jpgLOGO_FEDIMA.jpglOGO_RISE_MEDIA.jpgLOGO_16_VALVULAS.jpgLOGO_X_ADVENTURE.jpglOGO_SOLYOM_TEAM.jpgLOGO_NUNO_MATOS.jpgLOGO_LP_RACING.jpgLOGO_MAIS_TT.jpg