409 quilómetros marcaram a quarta etapa da Africa Race 2017 ligando Assa a Remz El Quebir no sul de Marrocos. Alexandre Azinhais e Didier Frederico voltaram a estar em plano muito positivo e Frederico conseguiu mesmo subir mais uma posição na geral da prova para se aproximar dos dez melhores entre os 34 pilotos ainda em prova.
A etapa de hoje foi a penúltima em solo marroquino antes da derradeira etapa no reino a realizar no dia de amanhã. Uma etapa considerada como a mais bela da Africa Race onde as pistas com pedra voltaram a estar no caminho da caravana depois de uma fase inicial com alguma areia mas sempre com piso bastante rolante que permitiu um bom ritmo a todos os pilotos.
Sem qualquer ligação a dupla portuguesa imprimiu desde cedo um bom ritmo e no final da especial, que terminou no acampamento em Remz El Quebir, Didier Frederico assinou o oitavo melhor tempo do dia, com Alexandre Azinhais a ser o 11º, prestações que permitiram a Frederico ganhar uma posição na classificação geral para ser agora o 12º ao mesmo tempo que Alexandre Azinhais manteve a 14ª posição da classificação global da competição.

"Foi novamente um dia muito bom e estamos muito satisfeitos com o andamento que conseguimos imprimir e com o resultado. Estamos a recuperar e vamos tentar subir na classificação o mais que nos fôr possível. Divertimo-nos bastante no dia de hoje ao longo da especial que era realmente muito bonita." 

revelou Didier quando preparava já no acampamento o seu 'road-book' para a etapa de amanhã, que ligará Remz El Quebir a Daklha num dia com quase 700 quilómetros para ultrapassar e onde a navegação poderá tornar-se muito complicada por força das muitas pistas paralelas da região.


Comunicado Oficial

HTTP://pecasAUTO24.pt

www.AUTOpecas-ONLINE.pt

ZONA ESPETACULO

VIDEOS DE TODO O TERRENO