Piloto português perdeu hoje algum tempo na penúltima “especial” do Dakar 2017 devido a uma falha mecânica, mas mantém o “Top 20”.

Mário Patrão foi hoje o 34.º mais rápido no troço cronometrado entre San Juan e Río Cuarto, na Argentina, depois de ter sido vítima de um contratempo técnico que o fez perder mais de uma dezena de minutos até retomar a corrida. Ainda assim, o piloto de Seia continua a ascender na tabela e é agora o 17.º classificado à geral numa altura em que o Dakar caminha para o final.
Patrão disputa amanhã a última “especial” da prova, rumo a Buenos Aires, com uma distância cronometrada na ordem dos 64 quilómetros cronometrados. O piloto português, que integra a equipa oficial KTM, aponta esforços conjuntos para a confirmação de mais uma vitória da marca austríaca na prova, com o britânico Sam Sunderland a ser o favorito à vitória final.

Mário Patrão:

"Hoje o dia tinha tudo para correr bem mas um problema técnico acabou por me fazer perder algum tempo a retomar a corrida. Ainda assim consegui o 34.° melhor tempo e estou no 17.° posto da geral. Amanhã acaba o Dakar 2017, o importante agora é concentrar na vitória da KTM, vamos procurar fechar este Dakar da melhor forma possível, em festa!”





Comunicado oficial

HTTP://pecasAUTO24.pt

www.AUTOpecas-ONLINE.pt

ZONA ESPETACULO

VIDEOS DE TODO O TERRENO