Baja Aragon 2021: Nasser Al-Attiyah vence nos automóveis, Alexandre Ré vence nos SSV e Martin Macick nos camiões

A 37ª edição da Baja España Aragón-Trofeo Avatel foi mais uma vez decidida este ano na última e decisiva etapa especial, tanto na categoria automóvel como na categoria de motocicletas. A luta pelas três posições do pódio deu-nos um resultado emocionante entre os grandes favoritos para a vitória. 

Na categoria automóvel, Nasser Al-Attiyah, do Qatar, levou a sua quarta vitória em Aragão esta tarde, num final frenético, para a última etapa do rally. O condutor do Overdrive tinha sido o mais rápido na etapa Monreal del Campo-Santa Eulalia, distanciando-se Loeb por pouco mais de um minuto na classificação geral. 

Mas na etapa especial mais longa do rally, Bañón-Cuevas Labradas, (209km), Loeb começou o seu ataque, distanciando Al-Attiyah por 2 minutos e 43 segundos no terceiro ponto de controlo intermédio. A partir daí, a prova do campeão mundial de rali, nove vezes campeão, começou quando sofreu uma avaria no sistema de direcção assistida no BRX e depois um furo. Loeb perdeu todas as hipóteses de vitória e também de um lugar no pódio. 

Nasser Al-Attiyah, que também sofreu furos na fase especial e acabou com os seus pneus no limite, obteve uma vitória que foi decidida nos últimos quilómetros da última fase especial. O segundo lugar foi finalmente para Mattias Ekström enquanto o terceiro degrau do pódio foi ocupado por Yazeed Al Rajhi.

"Estou realmente feliz por voltar a ganhar. Esta é a quarta vez que ganho a Baja Espanha. Hoje o nosso carro e a equipa trabalharam arduamente",

disse o tetracampeão da Baja España Aragón-Trofeo Avatel. 

No Campeonato Espanhol TT-Trofeo Avatel, Nani Roma obteve a vitória em Teruel com Isidre Esteve em segundo e Félix Macías em terceiro. Na classificação geral provisória, Macías permanece no topo da classificação. No SSV, Víctor Verdú e Federico Mogni prolongaram a sua luta pelo título em Teruel e com a vitória o piloto da JMP Racing torna-se o novo líder. 

No Campeonato do Mundo SSV (lado a lado), o resultado também foi frenético. Gerard Farrés alcançou a última fase especial como líder na classificação geral provisória e 1 minuto e 5 segundos à frente de Alexandre Re. Mas a fase mais longa do rally causou mudanças na classificação.  O cavaleiro português afiou o seu ritmo e a dureza do especial, que empurrou os cavaleiros para o limite, fez o seu pedágio sobre Farrés, que no segundo ponto intermédio já estava 8 minutos abaixo, subindo para 10 minutos no final da etapa. O catalão também perdeu o seu lugar no pódio final. 

Martin Macik estendeu o seu idílio com a Baja España Aragón-Trofeo Avatel e hoje certificou a sua terceira vitória em Teruel, a segunda de seguida. O cavaleiro checo venceu Maurik Van de Heuvel por 10 minutos e 59 segundos. Tomas Vratny terminou em terceiro lugar. 

 Fonte Baja Aragon
AUTOMOVEIS
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20

Don't try this at home